Disfunção Sexual Masculina de origem psicológica

Você já passou pela experiência de ejaculação precoce (e sentiu muita vergonha) ou de impotência sexual (pensando "meu Deus, o que ela irá pensar de mim?"). E, a partir desse momento, o namoro deixou de ser interessante?

Alguns homens passam por essa experiência desagradável. Embora cheios de vontade de namorar e agradar a parceira, não conseguem levar a relação sexual a bom termo, seja pela flacidez do pênis (impotência) ou pela finalização do ato (ejaculação precoce) antes do tempo necessário para a parceira gozar.

Esses problemas podem tornar o namoro frustrante. Depois de visitar um especialista e receber um resultado clínico que indica que você tem boa saúde, provavelmente o especialista irá dizer: faça terapia!

Sabemos que as causas apontadas pela ciência médica como causantes são: estresse e ansiedade.

Como podemos fazer para superar estas duas ameaças?

A sua mente subconsciente busca protegê-lo de alguma ameaça antiga que está registrada na sua vida. Por isso, é importante conhecer realmente a sua história.

A causa real desses dois comportamentos sexualmente prejudiciais está na forma como a biologia trata as ameaças. Devemos lembrar que todas as ameaças que você enfrentou na vida continuam vivas na consciência, mesmo aquelas das quais você não se lembra (memórias explícitas).

A repetição destas experiências faz com que o casal se refugie em práticas compulsivas como a pornografia e a masturbação, aumentando a dificuldade do ato sexual.

O corpo físico enfrenta as ameaças, até mesmo as antigas, regulando o controle emocional.

No caso da ejaculação precoce, a emoção vivenciada é tão forte que não é possível manter o controle sobre o momento da ejaculação, frustrando a expectativa do casal.

Já para o caso de impotência sexual, na presença de uma ameaça, o sangue deve ser deslocado para os músculos envolvidos na reação do corpo à ameaça (braços e pernas, para poder lutar ou fugir). Lembre que o pênis funciona somente se houver um aumento substancial na irrigação sanguínea no local.

Existe uma lei biológica que informa: o que deve ser protegido primeiro? A vida ou o prazer? Sempre é mais importante proteger a vida! Sem vida, não há mais nada!

Veja que a perda de ereção acontece em momentos de profunda emoção nos quais o racional não consegue resolver.

Nos casos em que as causas são psicológicas, trabalhando este tema no meu consultório de Hipnose e Orientação Parapsicológica, tenho conseguido 100% de recuperação da potência sexual.

Quantas sessões são necessárias? Em alguns casos, o problema foi resolvido em até 5 sessões; em outros, em até 10 sessões.

Eu atendo em Curitiba, embora já tive atendimentos online onde o problema foi efetivamente resolvido.

Por isso, não importa o lugar do Brasil, ou do mundo onde você estiver, não perca de chance de ter a vida sexual que você e sua parceira merecem.

Também faço atendimentos em espanhol.