PARAPSICOLOGIA
A CIÊNCIA DOS FENÔMENOS PARANORMAIS

A Parapsicologia se põe, no contexto do conhecimento humano, como a ciência dos fenômenos paranormais.

Por fenômenos paranormais compreende-se o conjunto de ocorrências extraordinárias, que fogem do normal, como casas mal-assombradas, conhecimento antecipado de um fato, "leitura" da mente do outro, curas extraordinárias, etc.

Compreendidos, antigamente como manifestações de forças divinas ou diabólicas, os fenômenos paranormais adquirem, no contexto da Parapsicologia, alguma coisa inexplicável que os separa dos eventos normais, não podendo ser explicados pelas ciências convencionais.

São compreendidos como resultado da ação do ser humano, ainda que de uma maneira que foge ao entendimento do agente, posto que são provocados pela mente sub-consciente.

Antigamente conhecida como Metapsíquica, surgiu nos EEUU, onde em 1930 foi criado o laboratório de Parapsicologia da Universidade de Duke, e se considera hoje que seu mentor, Joseph Banks Rhine é o pai da Parapsicologia como ciência.

No Brasil, a palavra Parapsicologia remete a um misto de idéias que envolvem crendices, superstições, religiões, ocultismo. Ao longo do tempo foram sendo semeadas informações equivocadas sobre essa disciplina. Há uma verdadeira miscelânea de assuntos, de crendices, de práticas que foram abrigadas sob o guarda-chuva da Parapsicologia, para onde tudo que é estranho, bizarro, não compreendido, e aparentemente fora do normal foi empurrado.